Câmara de Cuiabá realiza audiência pública na comunidade rural 21 de abril

class=”olho”>RÁDIO CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ
24/06/2019
Câmara de Cuiabá realiza audiência pública na comunidade rural 21 de abril
A Câmara Municipal de Cuiabá realiza neste domingo (30.06) uma audiência pública na comunidade 21 de Abril para discutir os principais desafios e as ações que devem ser promovidas pelo Poder Público na área rural da Capital.
A medida faz parte das ações que vem sendo desenvolvidas pelo Parlamento Municipal com o intuito de aproximar a população cuiabana do Legislativo, visando conhecer e atender as necessidades da comunidade.
“Com esse objetivo, o Parlamento pensou na área rural, que tem uma série de entraves em seu dia-a-dia, e ainda encontra dificuldades no acesso ao Poder Público”, destacou o presidente da Câmara, vereador Misael Galvão (PSB).
A audiência será a partir das 8 horas, no Barracão da Associação de Pequenos Produtores Rurais de Leonor. A comunidade, localizada na zona rural da Capital, fica a 16 Km do bairro Pedra 90 , e agrega um total de 14 localidades que são povoadas por agricultores familiares, criadores de gado bovino e outros pequenos produtores rurais de Cuiabá.
Entre elas estão a Água Limpa, Aricazinho, Assentamento 21 de Abril, Barrerinho, Assentamento Ribeirão Estiva, Barro Duro, Buritizal, Fazenda Alta, Formosa, Leonor, Paz Divina, Raizama, Rio do Couro e Santa Terezinha.
“Nós não temos para quem vender os nossos produtos, essa é a nossa maior dificuldade. Produz, mas fica aqui, não tem pra quem vender”, pontuou o presidente da comunidade rural, Joaquim Pereira.
Outro problema citado é em relação à segurança pública. “A dificuldade que venho batendo em cima é a segurança. Nós estamos aqui à mercê de bandidos, de quadrilhas. Já começamos a trabalhar a implantação de uma base comunitária, mas esbarramos na dificuldade de recursos”, destacou o presidente Associação do Pequeno Produtor do 21 de Abril, Francisco Ferreira Machado.
“Essa localidade está organizada em 11 associações de pequenos produtores rurais e de mulheres, constituindo-se com catalisadores de demandas dessa comunidade, mas que necessitam de apoio do Legislativo Municipal para ampliar a sua capacidade de mobilização e fornecer condições institucionais por meio da audiência pública realizada na própria comunidade”, justifica Misael.
Partindo desta premissa, o objetivo é de construir um espaço de diálogo, no qual os moradores terão a possibilidade de apresentar suas demandas e reivindicações.
“Também será uma oportunidade para os secretários municipais apresentarem as ações realizadas e planejadas para a comunidade rural”, acrescentou o parlamentar.
Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá
Imprimir Voltar Compartilhar:  

</div

http://www.urgentenews.com.br/wp-content/uploads/2018/01/image-2-1.jpg
Comentários Facebook