CPI define diretrizes dos trabalhos na próxima semana

A Comissão Parlamentar de Inquérito do Saneamento realizará a sua primeira reunião ordinária na próxima semana. O encontro servirá para traçar as diretrizes do trabalho que serão desenvolvidas pelo grupo.
“Vamos direcionar os trabalhos e definir quem será convocado para as oitivas, o pessoal da Arsec, da Águas Cuiabá, enfim, todos aqueles que poderão fazer os esclarecimentos do percentual cobrado em esgoto”, explicou o presidente da CPI, vereador Marcrean Santos (PRTB).
Também fazer parte da Comissão os vereadores Sargento Joelson (PSC) e Vinicius Hungueney (PP), como relator e membro, respectivamente.
A CPI foi instaurada no âmbito do Parlamento Municipal para investigar a responsabilidade dos agentes públicos envolvidos na denúncia de aumento da taxa de esgoto, supostamente indevida.
Isto porque, o aumento aprovado de 4,602% pelo Conselho Participativo da Agência Municipal dos Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec) é considerado abusivo, e tem sido alvo de críticas por parte da população cuiabana.
Conforme levantamento, com este reajuste a taxa de esgoto passou a representar 90% da tarifa de água.

Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá

Imprimir Voltar Compartilhar:  

</div

http://www.urgentenews.com.br/wp-content/uploads/thumbnail-for-375841.jpg
Comentários Facebook