CGE participa do Seminário de Contabilidade e Governança do Setor Público

O secretário-controlador geral do Estado, Emerson Hideki Hayashida, participou do II Seminário de Contabilidade e Governança do Setor Público, promovido pelo Conselho Regional de Contabilidade de Mato Grosso (CRCMT), na última semana.  

O titular da CGE destacou a importância do debate citando que os contadores têm um papel fundamental dentro da gestão pública para contribuir no combate ao desperdício, aos desvios e à corrupção.

“É um momento de maturidade e de aprendizagem. Teremos a oportunidade de debater e engrandecer ainda mais a sociedade, os contadores têm um papel importante nisso. Precisamos de encontros e debates como esses para que possamos melhorar cada vez mais os trabalhos, a prestação de serviços e melhorar nosso Estado”, comentou.

O seminário teve como objetivo a construção de uma melhor compreensão da função da contabilidade na administração pública, demonstrando a importância dessa ferramenta para a garantir o fortalecimento e aprimoramento dos controles e da boa governança pública no combate aos desvios de recursos, irregularidades e corrupção.

O presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de Mato Grosso (CRC-MT), Manoel Lourenço de Amorim da Silva, aproveitou o momento para ressaltar que o evento é “um sonho realizado”, já que vários órgãos de todos os poderes participaram do debate.  

Ele avaliou ainda que as organizações e entidades precisam trabalhar constantemente para ter a contabilidade organizada, pois, assim poderão garantir as contas públicas em dia e as boas práticas de governança.

“A gente entende que as organizações precisam estar com sua contabilidade em dia porque estão recebendo dinheiro público e precisam prestar contas. E, assim, nós poderemos ter a certeza que as organizações da sociedade civil estão cumprindo a legislação”, disse.

Participaram do evento representantes da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz-MT), da Universidade Federal de Brasília (UNB), da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), da Controladoria-Geral da União (CGU), do Tribunal de Contas do Estado (TCE/MT), entre outras instituições.

Comentários Facebook