Mato Grosso

Suspeito é preso por agredir namorada e quebrar braço de criança de 6 anos

A Polícia Militar prendeu E.B.A. (35 anos) por ameaçar, agredir e manter em cárcere privado a namorada e o enteado de seis anos, na noite de quarta-feira (20.11), no bairro Alvorada, em Cuiabá. Mãe e filho pediram socorro à polícia após conseguirem fugir do apartamento onde estavam presos.

Moradora do município de Rondonópolis, a vítima disse aos policiais que estava há duas semanas com o filho na casa do namorado, na Capital. Durante esse período, segundo ela, já estavam sofrendo agressões físicas e recebendo ameaças de morte do suspeito, que dizia possuir uma arma de fogo.

Uma das agressões teria sido com água quente, que gerou queimaduras no abdômen da criança.

Nesta quarta-feira, a mulher contou ter ouvido o homem xingando o filho dela de “imprestável” e “viado” e ao verificar o choro no menino, notou que a criança havia sido agredida no olho esquerdo e estava com um dos braços quebrados.

O homem cumpre medida judicial com tornozeleira eletrônica e o caso será investigado pela Polícia Judiciária Civil.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Comentários Facebook
Leia Também:  Mato Grosso tem um município com risco alto de contaminação pela Covid-19

Destaque

“Temos seringas suficientes para fazer a vacinação de todo o Estado”, tranquiliza secretário de Saúde

Os 141 municípios de Mato Grosso vão começar a receber nos próximos dias as seringas que serão utilizadas no plano de vacinação contra a Covid-19. O material já se encontra em estoque e, de acordo com o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, a aquisição suplementar dos insumos, caso necessária, já foi providenciada pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT).

“O Estado já fez um plano operacional. Nós estamos prontos, aguardando apenas a definição do Ministério da Saúde, quanto ao dia em que a vacina irá chegar e da quantidade que será fornecida a Mato Grosso. Todo o planejamento de distribuição já foi realizado. Nós temos seringas, adquiridas pela Secretaria de Estado de Saúde, suficientes para fazer a vacinação de todo o Estado de Mato Grosso e já estamos encaminhando aos municípios”, disse o secretário.

De acordo com Gilberto Figueiredo, a vacinação seguirá o Plano Nacional de Imunização, definido pelo Ministério da Saúde. Porém, a logística, bem como a segurança necessária para a distribuição das vacinas e dos insumos para sua aplicação serão disponibilizadas pelo Governo do Estado, através de seus órgãos.

Leia Também:  Mato Grosso registra 194.113 casos e 4.727 óbitos por Covid-19

Conforme o titular da SES-MT, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), além das Polícias Federal e Rodoviária Federal, e o Ministério da Defesa, farão a escolta dos materiais até os 14 polos de distribuição no Estado.

Nos casos em que for necessário, o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) disponibilizará sua frota aérea para dar celeridade à distribuição.

“Fiquem tranquilos, porque nós temos um estoque suficiente para vacinar toda a população. E já fizemos novas aquisições. Então, não vai ser por falta de seringa que nós não vamos fazer a vacinação no Estado. Tão logo as vacinas sejam encaminhadas pelo Ministério da Saúde, todos os 141 municípios receberão as vacinas e também as seringas para promover a vacinação”, pontuou Gilberto.

Comentários Facebook
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

POLÍTICA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA