Seduc homenageia alunos da Escola Presidente Médici que venceram etapa de desafio internacional

Os cinco alunos do 2º ano do Curso Técnico de Informática da Escola Estadual Presidente Médici, vencedores da etapa nacional do “Desafio Tack Brasil + Inovation Camp 2019”, foram homenageados com Moção de Aplausos, nesta sexta-feira (06.12), pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc). Os alunos receberam certificados pelos serviços prestados à educação de Mato grosso.

O “Desafio Tack Brasil + Inovation Camp é organizado por estudantes brasileiros da Harvard University e Massachusetts Institute Technology (MIT). Para participar do desafio, os alunos Mateus Ferreira, Enzo Castilho, Arthur Santiago, Matheus Torres e Fernando Massao, desenvolveram a plataforma “FEAMM”, com informações sobre turismo voltado a pessoas com deficiência física. Como prêmio, a equipe ganhou uma viagem para Boston (EUA) para participar da Brazilian Conference, em abril de 2020.

Segundo a secretária de Estado de Educação, Marioneide Kliemaschewsk, a conquista desses alunos, que são exemplos para o país, mostra que é possível fazer a diferença na educação pública. “Tenho muito orgulho desses alunos e desses professores que os motivaram, auxiliaram e articularam para que tudo isso fosse possível”.

A secretária ressaltou ainda que dará todo o apoio necessário para os alunos irem aos Estados Unidos representar Mato Grosso e o Brasil. “Eles já fazem parte da história da educação de Mato Grosso por esse trabalho exitoso. São mentes brilhantes que criaram uma plataforma de turismo pensando na acessibilidade e na inclusão”.

Um dos alunos, Enzo Castilho Ventura, 16 anos, disse que é muito gratificante receber a homenagem e ter o reconhecimento da Seduc pelo seu trabalho. “Nós passamos por algumas dificuldades ao longo do trajeto, mas tivemos todo o apoio que precisávamos para estar aqui hoje recebendo essa homenagem. Para mim, é extremamente importante e gratificante”, observou.

Enzo Castilho espera que a viagem possa abrir portas em universidades e contribuir para seu futuro. “As oportunidades para nós que somos de escola pública são menores do que para quem estuda em uma escola privada, mas ter passado por cima de todas as dificuldades e chegar onde chegamos comprova que quem faz a diferença na escola é o aluno”, concluiu.

Além dos alunos, a Seduc também homenageou os professores, que coordenaram os trabalhos, Alexandra Mazei e Benedito Ribeiro, e a diretora da escola, Elina Fernandes.

A diretora acredita que essa homenagem e incentivo vai estimular e fomentar ainda mais os alunos a participarem de novos desafios. “Aceitamos esse desafio porque queríamos propor aos nossos alunos algo que fosse além da sala de aula. O processo foi muito trabalhoso, mas depois foi compensador e receber o reconhecimento da Secretaria é muito gratificante”.

Comentários Facebook