Matrículas para novos alunos na EE cívico-militar Salim Felício serão em março

A partir deste ano, a Escola Estadual Salim Felício, localizada no bairro Parque Cuiabá, passará a funcionar com o modelo Cívico-militar. A unidade de ensino foi uma das escolas públicas do país que aderiram ao programa do Governo Federal. O ano letivo na escola começará em 23 de março e as matrículas serão realizadas pelo processo web, juntamente com outras unidades educacionais da rede estadual, no período de 03 a 09 de março.

A escola estadual Salim Felício atende cerca de 500 alunos, do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e do 1º ao 3º ano do ensino médio. No entanto, serão ofertadas para alunos novos 137 vagas, as demais vagas foram ocupadas pelos alunos, que já fazem parte do quadro da escola e que fizeram renovação de matrícula.

A renovação de matrícula é a confirmação da continuidade do aluno para o ano letivo de 2020.

Cadastro do Usuário

Antes de solicitar a matrícula web é preciso fazer o cadastro do usuário no site www.seduc.mt.gov.br. O cadastro é a primeira fase do processo para as matrículas web de alunos novos nas escolas estaduais. Ao fazer o cadastro, o sistema gerará o login e a senha de acesso do usuário, que deverá ser usado para fazer a matrícula.

A 2ª fase do processo compreende a solicitação de matrícula web, sendo que, ao confirmar a solicitação, o sistema emitirá uma ficha com as informações cadastradas. A confirmação da solicitação de matrícula web, deverá ser feita na unidade escolar, com data e horário de atendimento constante na ficha de solicitação. A matrícula só será efetivada quando validada pela unidade escolar.

Escola Cívico-militar

O Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares é uma iniciativa do MEC em parceria com o Ministério da Defesa, que apresenta um conceito de gestão nas áreas educacional, didático-pedagógica e administrativa com a participação do corpo docente da escola e apoio dos militares.

A escola Salim Felício, juntamente com a comunidade escolar, manifestou interesse para o processo de adesão ao programa.

Comentários Facebook