Mato Grosso

Polícia Militar lamenta o falecimento de sargento e cabo da reserva remunerada

Publicados

em

Arquivo

O Comando Geral da Polícia Militar de Mato Grosso comunica com profundo pesar o falecimento, na manhã desta sexta-feira (07.08), dos policiais da reserva remunerada sargento Ney Antônio Pereira de Souza (de 63 anos) e do cabo Milton Arcanjo Santana (62 anos), nas cidades de Barra do Garças e Cuiabá.

O sargento Ney Antônio de Souza estava internado desde o dia 8 de maio no Hospital Santa Rosa, na capital, depois de sofrer uma queda acidental na rampa de uma loja em Várzea Grande. A fatalidade agravou o quadro de saúde do policial, que sofreu traumatismo craniano e fraturou uma costela.

Há dez dias o paciente que estava internado há três meses no hospital recebeu o diagnóstico positivo para Covid-19 e precisou ser entubado. O policial faleceu por volta 5 horas da manhã em decorrência de um acidente vascular cerebral (AVC), seguido de uma parada cardiorrespiratória.

O policial ingressou na Polícia Militar em junho de 1979 e já estava na reserva remunerada quando decidiu voltar a atividade militar, só que dessa vez para atuar no setor patrimonial da instituição na sede do Quartel Geral da PM. Antes de entrar para reserva, o sargento prestou serviços militares em diversas unidades da corporação e órgãos como o Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

Leia Também:  Entregador de delivery morre após acidente com caminhonete no centro de Rondonópolis

Também, a PM lamenta profundamente a perda e presta condolências à esposa do sargento, Maria Nascimento de Souza, suas duas filhas e o primeiro neto do militar que, devido ao acidente, não chegou de conhecer, já que estava hospitalizado. O sepultamento do sargento ocorrerá no Cemitério Bom Jesus no bairro Parque Cuiabá, na capital.

Em Barra do Garças

A corporação perdeu mais um dos seus homens, cabo Milton Arcanjo de Santana faleceu no Pronto Socorro Municipal às 4 horas da manhã, depois de passar mal em casa e sofrer uma parada cardiorrespiratória.

O policial que era diabético, há oito dias havia sofrido um infarto. Ele ficou internado e teve o lado esquerdo do corpo paralisado, e recebeu alta médica. Em casa, o cabo PM estava passando por sessões de fisioterapia para recuperar os movimentos do corpo.

Cabo Santana estava na reserva remunerada há 12 anos, ele serviu e protegeu a sociedade à frente da PM por mais de 24 anos. O militar deixa quatro filhos e netos. O sepultamento será realizado no Cemitério Jardim Nova Barra, no município onde residia.

Leia Também:  Todos os municípios de Mato Grosso apresentam risco baixo de contaminação da Covid-19

A Polícia Militar presta solidariedade aos familiares, amigos e colegas de trabalho do cabo Santana e transmite as condolências neste momento difícil para todos da corporação e familiares.

Comentários Facebook

Destaque

Todos os municípios de Mato Grosso apresentam risco baixo de contaminação da Covid-19

Publicados

em

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou nesta segunda-feira (28.09) o Boletim Informativo n° 204 com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. O documento mostra (a partir da página 11) que todos os 141 municípios do Estado configuram na classificação com risco baixo para o novo coronavírus. Pela segunda vez, nenhuma cidade de Mato Grosso foi classificada com risco muito alto, indicado pela cor vermelha que indica alerta máximo de contaminação ou amarela que indica alerta moderado.

Veja a tabela de classificação de risco por município

O sistema de classificação que indica o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades. Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana e os resultados são divulgados nos Boletins informativos da SES-MT.

Comentários Facebook
Leia Também:  Todos os municípios de Mato Grosso apresentam risco baixo de contaminação da Covid-19
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

POLÍTICA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA