Destaque

Prefeitura vai sanitizar ambientes e espaços públicos para prevenir e combater a circulação e, proliferação do Coronavírus na cidade

Uma reunião/parceria firmada entre representantes da Prefeitura, Câmara Municipal, Corpo de Bombeiros, Secretaria Municipal de Saúde (Setor de Atenção Básica), Gabinete de Apoio a Segurança Pública – GASP; Sanear, CODER, e uma Equipe de Controle Químico da Unidade de Vigilância em Zoonoses (UVZ), nesta segunda-feira (11), resultou no planejamento e execução de uma força-tarefa de sanitização dos bens (prédios públicos) e espaços públicos da cidade, que deve ter início no fim da tarde, desta quarta-feira (13).

O objetivo dessa ação é basicamente prevenir, controlar e combater a circulação e proliferação do Coronavírus nos espaços públicos da cidade de Rondonópolis. Segundo os coordenadores, a ação será iniciada pela Praça dos Carreiros a partir das 18 h desta quarta-feira (13), e deverá se estender até por volta das 23 h.

Segundo o Gerente de Vigilância Ambiental da UVZ, Wagner Santos, quatro equipes da força-tarefa compostas por integrantes do Corpo de Bombeiros, Coder, Sanear, Gasp, estarão munidas de equipamentos como bombas costais e motorizadas de pulverização/borrifação, além de 02 caminhões pipas (20 mil litros), com produtos químicos que serão utilizados na higienização das calçadas, passeios públicos, pontos de ônibus, portas de igrejas, bancos de praças públicas, portas de bancos e casas lotéricas, do quadrilátero central; enfim: nos locais onde comumente acontece grande movimentação e concentração de pessoas.

Leia Também:  Polícias Civis prendem integrante de quadrilha de roubo de gado

Conforme os organizadores, as equipes de controle químico, vão fazer a sanitização destes locais, começando pela Praça dos Carreiros, e vão seguir, pelas avenidas: Dom Wunibaldo, Marechal Rondon, Avenida Cuiabá e Marechal Dutra entre outras, até as dependências do Casario/Cais do Porto. A Rua Fernando Correa da Costa também será sanitizada ao longo do seu curso, desde a Avenida Presidente Médici, até a Dom Wunibaldo.

Ainda conforme os organizadores, espaços como a ‘praça da antiga rodoviária’, o “Ganha Tempo, e o Fórum da Comarca, entre outros; serão sanitizados. “O importante, é que esta ação de sanitização, não tem prazo para ser concluída, já que os trabalhos serão repetidos semanalmente nos mesmos locais citados, até que se consiga uma diminuição da circulação do vírus nesses espaços públicos”, explicou Wagner.

UNIDADES DE SAÚDE

Ainda a partir desta quarta-feira (13), uma parte da equipe de controle químico irá higienizar e sanitizar todas as instalações das unidades de saúde do município. Conforme a programação, a cada semana pelo menos 12 unidades de PSs, PSFs, EBSs, e ESFs, deverão ser sanitizadas. Os trabalhos deverão ser realizados no período noturno para evitar transtornos aos servidores e ao público.

Leia Também:  Mato Grosso registra 246.469 casos e 5.716 óbitos por covid-19

“Mas, é preciso destacar que essa força-tarefa, está sendo orquestrada e executada por conta da parceria firmada entre a Prefeitura, a Câmara Municipal, o Corpo de Bombeiros e demais parceiros, proposta pelo presidente do poder legislativo, vereador Roni Magnani”, disse o gerente da vigilância ambiental.

“Todavia, não basta apenas os esforços do poder público. A população tem que colaborar e fazer a sua parte, tomando os cuidados necessários, como o uso constante de máscaras de proteção, evitar o toque pessoal, praticar o distanciamento social em locais públicos, bem como, higienizar as mãos com álcool gel e água e sabão, e sobretudo, evitar aglomerações”, reiterou.

TAMBÉM NOS BAIRROS

Ainda conforme Wagner Santos, além da região central, a coordenação da força-tarefa já estuda uma forma de estender esse trabalho de sanitização aos bairros da cidade, principalmente nos locais de maior concentração pública como: praças, pontos de ônibus, igrejas, portas de mercados, feiras livres, etc.

Fonte: Ailton Lima – Gabinete de Comunicação

Comentários Facebook

Destaque

Apostilas e kits alimentação são entregues nas casas dos estudantes

A equipe gestora da Escola Estadual Especial Luz do Saber, no bairro Ponte Nova, em Várzea Grande, foi de casa em casa fazer a entrega dos kits de alimentação escolar para os pais ou responsáveis dos 74 alunos matriculados.

Os profissionais foram em carros da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e também levaram apostilas para o estudo em casa. A ação ocorreu na manhã desta quinta-feira (25.02). Os pais foram informados por telefone ou pelo grupo de WhatsApp da escola o horário da entrega.

Segundo a diretora Jane Cristina Ignotti, levar os kits não é só um amparo financeiro, mas afetivo, pois os profissionais da escola foram ver como estão as famílias e as crianças em tempo de pandemia. Ao rever a equipe gestora ou mesmo a professora, os alunos se emocionaram.

“Eles (os alunos) não entendem porque parou tudo, porque ninguém vem buscá-los mais. Fica essa interrogação. Então, nós da escola, queremos saber como estão os nossos alunos, as famílias. Descobrimos que estão todos bem. Isso nos deu uma alegria imensa. É disso que gostamos”, ressalta a diretora.

Leia Também:  Batalhão Ambiental identifica irregularidades e multa madeireira em R$ 33,3 mil

Jane explica que, na entrega dos kits e apostilas, os alunos não cabiam de felicidade pois sabiam que chegaram as atividades para realizar junto com alguém da família. Os pais também ficaram satisfeitos com a ação da unidade escolar. Os professores produziram materiais personalizados e colocaram em sacolas vermelhas e amarelas com as apostilas.

No grupo de WhatsApp da escola, era só elogios. Uma das mães disse que o filho ficou tão feliz que achou que o pessoal foi buscá-lo para ir para a escola.

Comentários Facebook
Continue lendo

RONDONÓPOLIS

POLÍTICA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA