Destaque

Membro da cúpula de uma organização criminosa procurado pela Justiça é preso em Rondonópolis

Um foragido da Justiça e membro da cúpula de uma organização criminosa, foi preso na noite de sexta-feira (26.02), após informações da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) obtidas com apoio da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil. repassadas a Polícia Rodoviária Federal (PRF). A prisão aconteceu no município de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá).

O suspeito vinha sendo procurado desde o meado do ano passado (2020), depois de ser solto por decisão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, utilizando atestado médico falso alegando que o mesmo fazia parte do grupo de risco por conta da Covid-19, pois possuía comorbidade.

Durante investigação para apurar o paradeiro do suspeito, os policiais civis da GCCO em conjunto com a Diretoria de Inteligência, descobriram que ele estava vindo de Balneário Camboriú, Estado de Santa Catarina, em um veículo Pajero cor branca.

Diante das informações foi solicitado auxílio da Polícia Rodoviária Federal, que realizou a abordagem do referido automóvel onde o suspeito estava, nas proximidades da cidade de Rondonópolis.

Leia Também:  Distribuição de 76,2 mil doses das vacinas CoronaVac e AstraZeneca é definida em Mato Grosso

No momento da abordagem ele apresentou documento falso, porém foi reconhecido pelos policiais civis da GCCO que deslocaram até o ponto da abordagem, sendo então dado cumprimento ao mandado judicial de prisão. O suspeito também responderá pelo crime de uso de documento falso.

Conforme apurado o suspeito integra a cúpula de uma facção criminosa instalada em Cuiabá, razão pela qual foi preciso um trabalho especializado para a sua localização.

O homem estava em uma Pajero nova, que supostamente seria de sua advogada, conforme relato do próprio detido à PRF. Fato esse que será objeto de investigação da participação da profissional em possível crime de favorecimento pessoal. O aparelho celular dele também foi apreendido para análise.

Depois de preso, o suspeito foi conduzido até a Gerência Estadual de Polinter e Capturas para as providências cabíveis, e posteriormente encaminhado para audiência de custódia.

Participaram da ação 10 policiais civis da GCCO, 2 equipes da Diretoria de Inteligências e policiais da PRF.

Comentários Facebook

Destaque

Policiais destemidos praticam atos extraordinários para salvar vidas em MT

Dois sargentos destemidos da Polícia Militar praticaram atos extraordinários de coragem para salvar e proteger vidas, nas cidades de Várzea Grande e Tangará da Serra, no último mês de abril. O sargento PM Valdiney Pacheco encarou o Rio Cuiabá para resgatar uma mulher que havia se jogado da ponte Mário Andreazza. No interior, o sargento Welinton Fabiano Da Silva, praticante de jiu-jitsu, conseguiu utilizar as artes marciais para imobilizar e desarmar com segurança um homem em surto psicológico.

O sargento PM Valdiney Pacheco é policial militar e atua no Centro Integrado de Operações Áreas (Ciopaer). Ele conta que naquele dia, 28 de abril, o resgate da mulher era algo desafiador. Mesmo preparado, o militar relata que se atirar do helicóptero Águia 03 e enfrentar a correnteza do Rio Cuiabá não é algo corriqueiro em sua rotina.

Para salvar a mulher, Pacheco utilizou um equipamento chamado lifebelt – de resgate de afogamento, se preparou e, após uma manobra da aeronave para chegar mais próximo da vítima, se jogou na água e alcançou a mulher. O militar conta que a vítima não reagiu e colaborou com o resgate imbuído pela coragem do sargento e de toda a equipe da aeronave.

Leia Também:  PM prende cinco suspeitos e apreende drones que levariam celulares para o presídio da Mata Grande

Dois dias após o resgate em Várzea Grande, no dia 30 de abril, o policial militar do 19 º Batalhão, sargento Welinton Fabiano Da Silva, surpreendeu a todos com seu preparo e coragem, ao imobilizar um homem em surto psicológico, no bairro Vila Esmeralda, em Tangará da Serra.

Pessoas que acompanhavam o atendimento de rotina da equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ( Samu) registraram por meio de fotos e vídeos o golpe de jiu- jitsu, aplicado pelo militar para desarmar e conter o paciente que colocava a vida dele e dos atendentes do Samu em risco.

O vídeo da ação do sargento viralizou nas redes sociais após mostrar o preparo técnico do policial para deter sem utilização de meios não letais e até letais, o paciente que precisava de ajuda médica.

O relato dos policiais militares e análises de especialistas sobre as duas ocorrências atendidas pelos dois heróis de farda estão disponíveis no 12º episódio do PMCAST, o podcast oficial da Polícia Militar de Mato Grosso.

Leia Também:  Policiais destemidos praticam atos extraordinários para salvar vidas em MT

Quer saber mais ?

Acesse o link deste episódio inédito e exclusivo do PMCAST nas plataformas de áudio:

Spotify https://spoti.fi/3bnbY2j

Deezer https://bit.ly/2RblvTn

Google https://bit.ly/3hsJ2cP

Anchor https://bit.ly/33N9bv7

PMMT https://bit.ly/2RSnNXt

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA