CUIABÁ

Kits do Programa de Alimentação Escolar: Prefeitura reabre cadastro para estudantes matriculados na rede municipal

A Prefeitura de Cuiabá reabre nesta quinta (10) e sexta-feira (11) o cadastro para estudantes matriculados na rede municipal de ensino receberem os Kits do Programa de Alimentação Escolar, na oitava etapa de distribuição, no mês de junho. O link estará disponível para o cadastramento a partir das 10 horas.

A distribuição atenderá famílias de alunos em situação de vulnerabilidade social, ampliando os benefícios do programa. A fim de orientar as famílias, os alunos que já receberam o benefício nos meses anteriores pelo critério do bolsa família e pelo CRAS, em maio/2021, não precisam fazer novas inscrições.

A ação é coordenada pela primeira dama Márcia Pinheiro, e envolve as secretarias Municipais de Educação, Assistência Social e Direitos Humanos da Pessoa com Deficiência.

Os pais podem acessar o link https://shortest.link/czso, devendo preencher as informações solicitadas verificando o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), mais próximo da residência.

Após a aprovação da solicitação, as informações serão repassadas para a Secretaria Municipal de Educação. Depois disso, as unidades escolares irão comunicar dia e horário aos pais e responsáveis para a retirada dos Kits, que serão entregues em junho/2021.

Leia Também:  Rondonópolis e mais 26 municípios estão com risco muito alto de contaminação pela Covid-19

Comentários Facebook

CUIABÁ

Cerca de mil pessoas faltam à vacinação por dia, segundo levantamento da Secretaria Municipal de Saúde

Um levantamento realizado pela coordenação de TI da Secretaria Municipal de Saúde constatou que apenas no mês de junho mais de 11 mil pessoas agendadas deixaram de comparecer aos postos de vacinação para tomar a primeira dose da vacina contra o coronavírus. De acordo com a pesquisa, feita entre o dia 1º e 12 de junho, cerca de mil pessoas por dia faltaram à vacinação.

Até o momento, o grupo prioritário com maior número de abstenções é o que reúne os profissionais da Educação, com 1.541 faltosos. O segundo grupo que mais ausente é o de pessoas de 50 a 54 anos com comorbidades, que somam 1.131 agendados, seguido pelo grupo de pessoas com comorbidades de 45 a 49 anos, com 987 faltantes.

“Estamos agendando cerca de 5 mil pessoas por dia e nos 12 primeiros dias deste mês tivemos uma média de mil abstenções por dia. As pessoas fazem o cadastro e quando sai a agenda muitas não vêm e acabam tirando a vez de quem está ansioso para ser vacinado”, comentou o coordenador de TI da SMS, Gilmar Cardoso.

Leia Também:  Casal é preso em flagrante em Rondonópolis por tráfico de drogas e organização criminosa

A coordenadora da campanha de vacinação, Valéria de Oliveira acredita que grande parte dessas faltas acontecem porque muitas pessoas querem escolher a vacina. “Temos muitos casos de pessoas que chegam para se vacinar e, ao saber qual imunizante que está sendo aplicado, acabam desistindo. É importante que as pessoas entendam que não podem escolher a vacina, elas precisam se vacinar com a que está disponível. Todos os imunizantes funcionam. Precisamos que mais pessoas sejam vacinadas o quanto antes, independente da vacina, para conseguirmos diminuir o grau de transmissão do coronavírus e podermos voltar a ter uma vida normal”, diz Valéria.

Fonte: Roberta Penha | Foto: Luiz Alves – Secom

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA