Sem categoria

Após vídeo, usuários vão até MTU requerer devolução de valor da passagem

style”text-align:”” justify”””>Alguns usuários do sistema de transporte público de Cuiabá foram até a Associação Mato-grossense de Transporte Urbano (MTU) requerer a devolução de valores referentes a depósitos de vale transporte. A iniciativa, realizada nesta sexta-feira (11-01), foi acompanhada pelo vereador Abilio Junior (PSC).
A ida dos usuários até à MTU ocorreu após um vídeo, ao vivo, feito pelo vereador na sua página do Facebook. Na última quarta-feira (09-01), Abilio realizou recargas no cartão de transporte da MTU, no valor total de R$ 10,00. Contudo, desistindo de usar o transporte, solicitou a devolução do dinheiro no guichê. Toda a situação foi veiculada e acompanhada por milhares de internautas, que apoiavam a ação do parlamentar.
Um dos argumentos defendido pelo vereador era sobre o direito de consumidor, de desistir de determinada compra e ter o dinheiro restituído, a de que a empresa não pode reter o dinheiro do usuário, bem como a retenção desses valores diários dos usuários do sistema de transporte público da cidade poder configurar apropriação indébita.
“A empresa (MTU) não pode ficar com o dinheiro do cidadão. Ela não pode fazer do cartão de transporte uma forma de cartão de crédito, muito menos acumular esse dinheiro, que é direito de cada usuário que não fez a utilização dos valores até então depositados”, considerou Abilio.
O porteiro José Sebastião Arruda foi um dos que acompanhou a transmissão no Facebook e procurou o vereador para obter mais informações sobre a questão. “Eu vi o que ele fez, daí eu consultei meu extrato e vi que tinha todo esse valor preso na MTU, daí resolvi procurar o vereador para me ajudar”, disse José, que possui cerca de R$ 700 retidos pela empresa.
A vigilante Letícia Ferreira de Paula, também procurou pelo parlamentar para ter a mesma orientação. “A gente tá vendo que ele é um vereador que realmente busca lutar pelos direitos da população. Eu vi o que ele fez na saúde. Agora tá fazendo por nós no transporte público. Esse dinheiro é um direito nosso, que a empresa não pode deixar de nos pagar”, desabafou.
MTU
Conforme o coordenador financeiro da MTU, Sidnei Barros, todo usuário que tiver valor retido junto à empresa, poderá deslocar até a sede, localizada na Rua Joaquim Murtinho, ir até o guichê principal, retirar um extrato do cartão transporte de sua propriedade e realizar um requerimento formal direcionado à respectiva coordenadoria, a qual terá sete dias para análise.
Da Assessoria&nbsp
Dana Campos

Imprimir Voltar Compartilhar:  

Comentários Facebook

Sem categoria

Inscrições para o Enem 2022 começam na terça-feira

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começam nesta terça-feira (10) e podem ser realizadas até o dia 21 de maio. Pela primeira vez, os interessados em participar do exame poderão efetuar o pagamento da taxa de inscrição por meio de PIX e cartão de crédito.

O resultado dos recursos para isenção da taxa de inscrição já está disponível na Página do Participante. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) ressalta que a aprovação dos pedidos não garante a inscrição no exame.

A taxa de inscrição para o Enem 2022, versões digital ou impressa, foi mantida no valor de R$ 85. O período para efetuar o pagamento se encerra em 27 de maio. A participação no exame apenas será garantida apenas após a confirmação do pagamento da taxa.

O pagamento da taxa de inscrição também poderá ser feito por meio do tradicional boleto, que deve ser gerado na Página do Participante e pago em qualquer banco, casa lotérica, aplicativos bancários ou agência dos Correios, obedecendo aos critérios estabelecidos por esses correspondentes bancários e respeitando os horários de compensação.

Já os interessados em fazer o Enem 2022 que obtiveram a isenção da taxa devem realizar a inscrição na Página do Participante, mas não precisam efetuar o pagamento para confirmar a participação.

Provas

As provas serão realizadas nos dias 13 e 20 de novembro. A aplicação dos testes impressos seguirá o horário de Brasília. A abertura dos portões será às 12h, e o fechamento às 13h. O início das provas será às 13h30. No primeiro dia de Enem, o término das provas será às 19h. No segundo dia de testes, às 18h30.

O exame será constituído de quatro provas objetivas e uma redação em língua portuguesa. Cada prova objetiva terá 45 questões de múltipla escolha.

No primeiro dia do exame, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e redação (língua Portuguesa, literatura, língua estrangeira, artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação); e de ciências humanas e suas tecnologias (história, geografia, filosofia e sociologia).

A aplicação terá 5 horas e 30 minutos de duração, contadas a partir da autorização do chefe de sala para o início das provas.

No segundo dia do exame, serão aplicadas as provas de ciências da natureza (química, física e biologia) e matemática e suas tecnologias. A aplicação terá 5 horas de duração, contadas a partir da autorização do chefe de sala para o início das provas.

Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados no Portal do Inep, até o terceiro dia útil após o último dia de aplicação.

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA