Destaque

Casal briga e logo após desaparecem em MT

Redação com Médio Norte Notícias

Rosangela Silva de 32 anos e Alessandro Lautenschlager de 31 anos, estão desaparecidos desta a noite de sexta-feira (25) em Nova Mutum. Familiares estão em busca de noticias.

Segunda informações repassadas, por um parente de Rosangela, ela pediu pra ir posar na casa de uma amiga, mais quando a amiga chegou ela estava saindo, e disse que ia conversar com seu ex-namorado Alessandro, onde houve uma forte discussão entre os dois. Era por volta das 22h00m quando ela saiu, e desde então está desaparecida.

A polícia ao ser informada foram à casa do pai de Alessandro, que informou que o mesmo retornou na madrugada do dia 25, deixou o carro e saiu. Ninguém viu pois estavam dormindo. Os irmãos e a polícia se deslocaram até a casa de Alessandro, onde tudo estava intacto mais sem sinal dos dois.

Ao ligar nos celulares dos dois, o de Rosangela, até na tarde do dia 26 chamava até cair na caixa postal, e agora só caixa postal. O de Alessandro sempre caixa postal.

Leia Também:  Corpo de homem é encontrado com facas cravadas no pescoço em Rondonópolis

A Família de ambos, não sabem se eles sumiram por querer ou se de fato aconteceu algo, e pedem encarecidamente a quem tiver informações informarem a Policia no 190, 197, e ainda nos números (65) 99637-5088, falar com Quitéria, (65) 99600-2428 falar com Vilmar e ou (65) 98134-1772 fala com Elvis.

Comentários Facebook

Agricultura

Mulheres líderes do agro realizam visita técnica à Brasília

Lideranças femininas do setor agropecuário de Mato Grosso embarcaram hoje (10.08) para uma visita técnica em Brasília. Ao longo dos próximos dias, um grupo com 40 mulheres visitará a Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária (CNA), a sede do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), o Instituto Pensar Agro (IPA), entre outras instituições na capital federal.

As atividades fazem parte da programação da Academia de Liderança – Mulheres Líderes do Agro, a primeira organizada pelo Senar-MT exclusivamente ao público feminino. Ao todo, serão três encontros, de julho a setembro. Nesta segunda etapa, que ocorre em Brasília, as mulheres conhecerão mais sobre a atuação das instituições visitadas, seus representantes e a estrutura dos poderes executivo, legislativo e judiciário.

A Academia de Liderança reúne produtoras rurais, lideranças sindicais e mulheres que trabalham no setor agropecuário. O objetivo é formar líderes que possam atuar nas mais diversas esferas que envolvem a agropecuária no estado e impulsionar ainda mais o seu desenvolvimento.

No primeiro módulo, que ocorreu em Cuiabá, as participantes aprenderam mais sobre atuação política no agro e autoconhecimento e propósito. Além disso, tiveram a oportunidade de conhecer as áreas de atuação de cada uma das instituições do Sistema Famato: o Senar-MT, Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), Instituto Agrihub, a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato) e os Sindicatos Rurais.

Leia Também:  Ministro diz que desemprego cairá para 8% antes do fim do ano

Essa é a primeira visita técnica da Academia de Liderança, após o início da pandemia de Covid-19. “Esse momento foi muito aguardado, a pandemia adiou o nosso projeto, mas finalmente conseguimos realizá-lo e estamos muito felizes em poder reunir e fortalecer as mulheres do nosso setor”, afirmou o superintendente do Senar-MT, Francisco Olavo Pugliesi de Castro, mais conhecido como Chico da Pauliceia.

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA