Destaque

Frigoríficos oferecem 119 vagas de emprego em MT

A JBS anuncia a abertura de 119 vagas de emprego em suas unidades de Alta Floresta, Barra do Garças, Brasnorte, Colíder, Confresa, Diamantino, Juara, Pedra Preta e Pontes e Lacerda, em Mato Grosso. Ter experiência na função é um diferencial, mas os interessados sem experiência prévia também podem participar do processo seletivo, pois a Companhia oferece capacitação técnica para cada função. Para concorrer, os candidatos devem seguir as orientações a seguir de cada planta.

SERVIÇO:

  • Alta Floresta – Friboi: na unidade são ofertadas 4 vagas distribuídas entre as funções de serrador, operador de ETA e efluentes, eletricista de manutenção e limpeza industrial. Interessados podem enviar o currículo no e-mail ariana.sales@friboi.com.brinformando no assunto do mesmo o título da vaga desejada.

  • Barra do Garças – Couros: são ofertadas pela Companhia 12 vagas para ajudante de produção na unidade. Os interessados devem enviar o currículo para o WhatsApp (66) 9.9204-7863.

  • Brasnorte – Friboi: a unidade de Brasnorte oferece 2 vagas entre as funções de analista de recursos humanos pleno e faturista. Os interessados podem enviar os currículos para raquel.souza@friboi.com.brcom o título Analista de Recursos Humanos ou Faturista, conforme a vaga desejada.

  • Confresa – Friboi: a planta oferece 6 vagas entre mecânico de manutenção, operador de sala de máquinas, cozinheira, assistente de garantia de qualidade, analista de logística e supervisor de estoque de produção. Os currículos devem ser enviados para kaike.costa@friboi.com.br e jacelia.costa@friboi.com.br .

  • Colíder – Friboi: no município são ofertadas 19 vagas, que estão distribuídas entre as funções de operador de produção, operador de armazenagem e faqueiro. Os currículos podem ser entregues na unidade localizada na Avenida Ulisses Guimarães, 889 – Polo Industrial – Colíder.
Leia Também:  Sema-MT abre inscrições para seletivo com salários de até R$ 10 mil

  • Diamantino – Friboi: no município a Companhia oferta 27 vagas entre as funções de faqueiro, desossa dianteiro e traseiro, expedição, embalagem, ajudante de produção e limpeza industrial. Os interessados devem encaminhar o currículo para milenny.leite@friboi.com.br.

  • Juara – Friboi: na unidade são ofertadas 16 vagas entre nutricionista/supervisora de restaurante, operador de empilhadeira, técnico de segurança, operador de higienização, operador de produção e monitor de produção. Os currículos podem ser enviados no e-mail raquel.souza@friboi.com.br.

  • Pedra Preta – Couros: na unidade são ofertadas 7 vagas entre ajudante de produção, auxiliar administrativo e mecânico de manutenção. Interessados devem deixar seu currículo na portaria da empresa (localizada na Rodovia BR-364, Km 172 – Zona Rural – Pedra Preta) ou enviar e-mail para recrutamentocouros@cpp.jbs.com.br.

  • Pontes e Lacerda – Friboi: na unidade são ofertadas 25 oportunidades de trabalho entre os cargos de faqueiro, ajudante de produção, currais, embalagem secundária, expedição, supervisor de garantia de qualidade, SIF, manutenção elétrica e paletização. Os interessados devem enviar o currículo para o e-mail erica.silva@friboi.com.br.

  • Mato Grosso: há ainda 1 vaga para coordenador comercial em Mato Grosso. Os interessados podem enviar o currículo para elen.pereira@friboi.com.br.

Sobre a JBS

A JBS é a segunda maior indústria de alimentos do mundo e a maior companhia no setor de proteínas. Com uma plataforma diversificada por tipos de produtos (aves, suínos, bovinos e ovinos, além de plant-based), a Companhia conta com mais de 250 mil colaboradores, em unidades de produção e escritórios em todos os continentes, em países como Brasil, EUA, Canadá, Reino Unido, Austrália, China, entre outros. No Brasil, a JBS é a maior empregadora do país, com mais de 145 mil colaboradores. No mundo todo, a JBS oferece um amplo portfólio de marcas reconhecidas pela excelência e inovação: Seara, Swift, Pilgrim’s Pride, Moy Park, Primo, Just Bare, entre muitas outras, que chegam todos os dias às mesas de consumidores em 190 países. A empresa investe em negócios correlacionados, como couros, biodiesel, colágeno, higiene pessoal e limpeza, envoltórios naturais, soluções em gestão de resíduos sólidos, reciclagem e transportes, com foco na economia circular. A JBS conduz suas operações priorizando a alta qualidade e a segurança dos alimentos e adota as melhores práticas de sustentabilidade e bem-estar animal em toda sua cadeia de valor, e assumiu em março de 2021 o compromisso de se tornar Net Zero até 2040. Isso significa que a JBS vai zerar o balanço líquido das suas emissões de gases causadores do efeito estufa, reduzindo a intensidade das emissões diretas e indiretas e compensando toda a residual. A JBS foi a primeira empresa global do setor de proteína a estabelecer esse compromisso, com o propósito de alimentar pessoas ao redor do mundo de maneira cada vez mais sustentável. 

Comentários Facebook

Brasil

Decreto cria verbas para pagar Auxílio Brasil de R$ 400 em dezembro

A edição extra do Diário Oficial da União (DOU) de terça-feira (7) trouxe o texto da medida provisória (MP) 1.076 de 2021, que antecipa o pagamento do novo valor do Auxílio Brasil – programa social de distribuição de renda que substitui o antigo Bolsa Família.

O instrumento cria um benefício extraordinário que complementa as parcelas já previstas do Auxílio Brasil para o valor de R$ 400 divulgado pelo governo. A manobra ocorre devido à necessidade de promulgação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios, que deverá ser fatiada e que possibilitará a alocação de recursos para o pagamento integral do Auxílio Brasil.

Segundo o calendário de pagamentos já divulgado pela Caixa, os créditos relativos à parcela de dezembro do Auxílio Brasil serão recebidos a partir da próxima sexta-feira (10).

Mais cedo, o presidente Jair Bolsonaro comentou sobre a PEC dos Precatórios e afirmou que o instrumento não é “calote”, mas uma forma viável de realocar dívidas em prol de uma revisão justa de benefícios sociais.

Leia Também:  Homem agride mulher com soco no rosto e atira durante briga

“[A PEC dos Precatórios] não é um calote, muito pelo contrário. É uma renegociação, um alongamento de dívida para quem tinha mais de R$ 600 mil para receber do governo. É isso que nos permite um saldo, um espaço, para potencializar com justiça o programa”, disse o presidente durante a cerimônia de assinatura da concessão de frequências do 5G no Palácio do Planalto.

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA