Mato Grosso

Mato Grosso vai compor força-tarefa de intervenção penitenciária nacional

A Secretaria de Justiça abriu inscrições para o processo seletivo de agentes penitenciários que irão compor o Grupo de Intervenção da Força Tarefa Penitenciária (FTIP), organizada pelo Departamento Penitenciário Nacional, do Ministério da Justiça. A participação de agentes penitenciários do estado está prevista no Convênio de Cooperação Federativa 28/2017 celebrado entre a União e o Estado de Mato Grosso, para atuar em situações de crises nos estabelecimentos penitenciários das unidades da federação de acordo com as normas estabelecidas no Edital e as necessidades da FTIP.

As inscrições podem ser feitas a partir desta quarta-feira (17.01) até as 14h do dia 18 de janeiro. A seleção será realizada em etapa única (análise curricular), com inscrição online. O candidato deverá preencher o formulário de inscrição, disponível no link e enviar os documentos solicitados, em  formato PDF, não zipado, em vez única, para o e-mail da Secretaria Adjunta de Administração Penitenciária gabsaap@sejudh.mt.gov.br. Não serão considerados documentos juntados após o final do prazo de inscrição.

Em Mato Grosso, podem se inscrever no processo seletivo agentes penitenciários que estejam em efetivo exercício, com identidade funcional com porte de arma de fogo, entre outros requisitos que devem ser conferidos no edital. São 5 vagas para o estado. Os selecionados e interessados devem estar cientes de que a primeira convocação para apresentação à FTIP, em Brasília/DF, poderá ocorrer no período de 21 a 25 de janeiro.

Leia Também:  Sistema Fecomércio-MT inicia segunda etapa do projeto ‘Movimenta’ em Rondonópolis e Jaciara

A equipe que será selecionada pelo Depen vai participar incialmente de uma força-tarefa no estado do Ceará. Outros estados da federação também foram convidados pelo Departamento Penitenciário Nacional.

CONFIRA OS DOCUMENTOS: 

Edital 

Portaria 

Ficha FTIP 

Ficha Inscrição Sejudh 

Comentários Facebook

Destaque

Senar-MT lança mais dois cursos que qualificam profissionais para atuar no setor de máquinas agrícolas

Já estão disponíveis no portfólio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) mais dois cursos. O objetivo destes dois novos produtos é qualificar pessoas que vão atuar no setor de máquinas e implementos agrícolas. Aplicação de sólidos utilizando distribuidor autopropelido e Operação de escavadeira hidráulica são os dois novos cursos. Além destes, a instituição oferece mais de 350 outros cursos para capacitar e qualificar o homem do campo.

O Aplicação de sólidos utilizando distribuidor Autopropelido será numa modalidade híbrida e a carga horária será de 24 horas, distribuída em dois módulos – 16 horas de conteúdo EaD e 08 horas presencial.

Este treinamento surgiu em função da necessidade de aprimorar os conhecimentos dos profissionais que já atuam na atividade de operação de máquinas agrícolas. O objetivo é aplicar mais essa tecnologia que é a de aplicar sólidos utilizando o autopropelido.

O conteúdo programático inclui assuntos como:

– Fertilizantes e corretivos com distribuidor autopropelido

– Aspectos legais e de segurança na aplicação de fertilizantes e corretivos

– Aplicação de corretivos e fertilizantes com distribuidor autopropelido

– A agricultura de precisão na distribuição de fertilizantes e corretivos

Leia Também:  Mulher é resgatada após ser estuprada, agredida e sofrer maus-tratos

– Barra de luzes e o piloto automático na agricultura de precisão

– Distribuidor de corretivos e fertilizantes autopropelido

– Cabine do distribuidor

– Parâmetros da aplicação de corretivos e fertilizantes

– Revisão dos componentes do distribuidor de corretivos e fertilizantes do distribuidor

– Configuração do distribuidor conforme o produto a ser aplicado

– Regulagens e calibrações do distribuidor

– Aplicação do produto

Já a Operação de escavadeira hidráulica é presencial com carga horária de 40 horas. O objetivo é que o participante aprenda a operar a escavadeira hidráulica de acordo com a recomendação do manual do operador. É importante destacar que a escavadeira é uma máquina de grande utilidade para o setor rural e da construção civil e para ser manuseada precisa de profissionais qualificados. O curso capacitará o operador a exercer o trabalho com eficácia e respeito às Normas de Segurança.

Conteúdo programático inclui assuntos como:

– Legislação

– Normas regulamentadoras da atividade

– Saúde e Segurança do Trabalho

– Conceito e histórico da escavadeira hidráulica

– Configuração de uma escavadeira: carro superior e inferior

– Utilização dos implementos de escavadeira hidráulica

Leia Também:  Mulher quebra garrafa de pinga e é espancada pelo marido em MT

– Importância da cabine do operador

– Verificação dos níveis dos sistemas

– Componentes da escavadeira hidráulica

– Deslocamento operacional da escavadeira hidráulica;

– Operação de escavação

– Movimentação de carga

Crédito: Aline Lima

Colheita de Talentos – Após concluir os cursos do Senar-MT, os participantes têm seus currículos cadastrados no Colheita de Talentos, que é plataforma do Senar-MT que tem como objetivo aproximar as empresas do agro e produtores rurais interessados em contratar profissionais qualificados e as pessoas qualificadas pelo Senar-MT.

Parcerias – para realizar as aulas práticas nos Centros de Treinamentos do Senar-MT conta com dezenas de parceiros. Dentre eles,os abaixo relacionados.

Centro Oeste Máquinas – Massey Ferguson.

Terra Premium – New Holland.

Agrofito – Case.

Jorge Máquinas Agrícolas – Plataforma.

Guimáquina – Jacto.

Grupo Vamos – Fendt.

Fazenda Guarita – Joel Strobel.

Rota Oeste – PC Deer.

Sotreq – PC Caterpillar.

IMA Rondonópolis.

Fazenda Red River – Ronaldo Alves Batista Pinto.

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA