Mato Grosso

Parceria vai integrar dados entre Sema e Centro de Controle da Sesp

Uma parceria entre a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) e Ministério Público Estadual (MPE) promoverá o compartilhamento de dados e informações via Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). Os representantes das instituições visitaram, nesta sexta-feira (11.01), a Sala de Crise, Sala de Videomonitoramento, a Plataforma de Observação Elevada (POE) e demais estruturas que dão suporte ao CICC, na sede da Sesp.

Foram repassadas informações a respeito dos procedimentos adotados desde a instalação do aparato tecnológico para a Copa do Mundo de 2014. Em tempo real, servidores da Sesp-MT acompanham imagens das câmeras espalhadas por Cuiabá e Várzea Grande e demandam os atendimentos ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp). A POE, por exemplo, permite a observação do local a 15 metros de altura, por meio de câmeras HD e térmicas, ideal para auxiliar a segurança em eventos com grande circulação de pessoas. A Secretaria também conta com o CICC móvel, um ônibus equipado com câmeras de videomonitoramento e Sala de Crise.

Leia Também:  Jovem de 16 anos tenta atravessar rio e morre afogado

Segundo o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, a ideia é colocar em prática a orientação do governador Mauro Mendes de otimizar os recursos públicos. “A Sema está precisando de um apoio e nós temos como acolher tudo o que eles precisam. Temos o Centro Integrado de Comando e Controle, que pode auxiliar nas operações da Sema, sem aumentar o custo. Com o que a gente tem hoje, é possível absorver esta necessidade da Sema”.

A parceria é uma alternativa para melhorar os serviços prestados sem gerar novos custos, conforme ressalta a titular da Sema-MT, Mauren Lazzaretti. “Nesta visita nós já identificamos várias oportunidades de integração de dados e serviços. Nossa perspectiva hoje é que o monitoramento das atividades que a Sema faz, principalmente no que diz respeito ao transporte de produto florestal, tenha uma interação com o trabalho que é feito pela Sesp, acredito que podemos melhorar a eficiência da nossa fiscalização com o trabalho que já existe”.

O promotor de justiça do MPE, Marcelo Caetano Vacchiano, avalia que esta integração pode contribuir para evitar fraudes nos processos conduzidos pela Sema. “A Secretaria de Segurança Pública tem uma estrutura que a Sema pode utilizar na área de Tecnologia da Informação que pode auxiliar nesse sentido e também colaborar para a conservação desses arquivos”.

Leia Também:  Médica veterinária morre em grave acidente na BR-163

Com as informações apresentadas durante a visita, os órgãos envolvidos começarão as tratativas para a elaboração do termo de parceria já na próxima semana.

Comentários Facebook

Agricultura

Mulheres líderes do agro realizam visita técnica à Brasília

Lideranças femininas do setor agropecuário de Mato Grosso embarcaram hoje (10.08) para uma visita técnica em Brasília. Ao longo dos próximos dias, um grupo com 40 mulheres visitará a Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária (CNA), a sede do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), o Instituto Pensar Agro (IPA), entre outras instituições na capital federal.

As atividades fazem parte da programação da Academia de Liderança – Mulheres Líderes do Agro, a primeira organizada pelo Senar-MT exclusivamente ao público feminino. Ao todo, serão três encontros, de julho a setembro. Nesta segunda etapa, que ocorre em Brasília, as mulheres conhecerão mais sobre a atuação das instituições visitadas, seus representantes e a estrutura dos poderes executivo, legislativo e judiciário.

A Academia de Liderança reúne produtoras rurais, lideranças sindicais e mulheres que trabalham no setor agropecuário. O objetivo é formar líderes que possam atuar nas mais diversas esferas que envolvem a agropecuária no estado e impulsionar ainda mais o seu desenvolvimento.

No primeiro módulo, que ocorreu em Cuiabá, as participantes aprenderam mais sobre atuação política no agro e autoconhecimento e propósito. Além disso, tiveram a oportunidade de conhecer as áreas de atuação de cada uma das instituições do Sistema Famato: o Senar-MT, Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), Instituto Agrihub, a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato) e os Sindicatos Rurais.

Leia Também:  Médica veterinária morre em grave acidente na BR-163

Essa é a primeira visita técnica da Academia de Liderança, após o início da pandemia de Covid-19. “Esse momento foi muito aguardado, a pandemia adiou o nosso projeto, mas finalmente conseguimos realizá-lo e estamos muito felizes em poder reunir e fortalecer as mulheres do nosso setor”, afirmou o superintendente do Senar-MT, Francisco Olavo Pugliesi de Castro, mais conhecido como Chico da Pauliceia.

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA