Mato Grosso

Profissionais da educação participam da etapa de atribuição aos remanescentes

Técnicos da Secretaria de Educação (Seduc) participam nesta terça-feira (29.01), juntamente com os assessores pedagógicos de Cuiabá e Várzea Grande, do processo de atribuição de aulas ou cargo para os profissionais da educação que ficaram remanescentes. Essa etapa, que ocorre nas 98 assessorias pedagógicas da rede estadual, atende aos professores, técnicos administrativos e apoios que não conseguiram vaga na escola onde estavam lotados e faz parte do Processo de Atribuição Simplificado (PAS) para o ano letivo de 2019.

Em Cuiabá, o atendimento aos remanescentes ocorre na Escola Estadual Liceu Cuiabano Maria de Arruda Muller. Os professores foram agrupados por área de conhecimento, além dos técnicos administrativos e apoio. No período da manhã, cerca de 300 profissionais buscavam nova lotação.

Segundo o assessor pedagógico de Cuiabá Alex Rufino da Silva, os profissionais da educação foram chamados para a atribuição em uma nova unidade escolar, conforme a pontuação geral por disciplina, levando em consideração a ordem decrescente.

“O professor é chamado para verificar os quadros fornecidos pelas escolas e escolher uma escola que seja de seu agrado. Tudo em um trabalho transparente”, destaca. Ele lembra que muitas vezes, o professor vem como remanescente apenas para completar a carga horária. Para um concurso de 30 horas, são 20 horas semanais em sala e 10 de hora-atividade. 

Leia Também:  Votorantim oferta vagas para curso gratuito de qualificação profissional para pessoas com deficiência

Várzea Grande

Em Várzea Grande, o atendimento aos remanescentes foi na Escola Estadual Adalgisa de Barros, ao lado da Assessoria Pedagógica. Os professores também foram distribuídos por área de conhecimento.

“Uma equipe da Seduc está dando todo o suporte, uma vez que todos os assessores daqui são novos. Com isso, será possível fazer um trabalho rápido, sem problemas, com todos saindo daqui com a lotação escolhida”, explica o assessor pedagógico por Várzea Grande Denilson Soares da Silva.

Tanto em Cuiabá como Várzea Grande, antes do início dos trabalhos, os assessores afixaram no quadro das duas escolas uma lista com todos os remanescentes, conforme a classificação em ordem decrescente para cada disciplina, além dos técnicos administrativos e apoio.

Vagas para todos

A coordenadora de provimento da Seduc, Consuelo de Fátima Lima Nunes, que integra a equipe de apoio à Assessoria Pedagógica de Cuiabá, destaca que os remanescentes podem ficar tranquilos porque existem vagas para todos.

“Estamos ajustando os nossos trabalhos. Ninguém ficará prejudicado, pois todos sairão com uma nova lotação do local para a etapa dos remanescentes”, assegura. Ela lembra que muitos profissionais chegam nessa etapa apreensivos porque não sabem o que vai acontecer, mas como existem número de vagas suficientes, todos terão um novo endereço para atuar na educação. A expectativa dos técnicos da Seduc e dos assessores pedagógicos é que todos os remanescentes participem do processo.

Leia Também:  Mulher quebra garrafa de pinga e é espancada pelo marido em MT

Remoção

A próxima etapa será nesta quarta-feira (30) com a atribuição para os professores que conseguiram a remoção de um polo para outro. “Assim que concluirmos a etapa dos remanescentes, os servidores que fizeram e tiveram a remoção deferida, serão chamados para a lotação”, ressalta.

Comentários Facebook

Destaque

Senar-MT lança mais dois cursos que qualificam profissionais para atuar no setor de máquinas agrícolas

Já estão disponíveis no portfólio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) mais dois cursos. O objetivo destes dois novos produtos é qualificar pessoas que vão atuar no setor de máquinas e implementos agrícolas. Aplicação de sólidos utilizando distribuidor autopropelido e Operação de escavadeira hidráulica são os dois novos cursos. Além destes, a instituição oferece mais de 350 outros cursos para capacitar e qualificar o homem do campo.

O Aplicação de sólidos utilizando distribuidor Autopropelido será numa modalidade híbrida e a carga horária será de 24 horas, distribuída em dois módulos – 16 horas de conteúdo EaD e 08 horas presencial.

Este treinamento surgiu em função da necessidade de aprimorar os conhecimentos dos profissionais que já atuam na atividade de operação de máquinas agrícolas. O objetivo é aplicar mais essa tecnologia que é a de aplicar sólidos utilizando o autopropelido.

O conteúdo programático inclui assuntos como:

– Fertilizantes e corretivos com distribuidor autopropelido

– Aspectos legais e de segurança na aplicação de fertilizantes e corretivos

– Aplicação de corretivos e fertilizantes com distribuidor autopropelido

– A agricultura de precisão na distribuição de fertilizantes e corretivos

Leia Também:  Empresária de MT morre em acidente de moto em expedição

– Barra de luzes e o piloto automático na agricultura de precisão

– Distribuidor de corretivos e fertilizantes autopropelido

– Cabine do distribuidor

– Parâmetros da aplicação de corretivos e fertilizantes

– Revisão dos componentes do distribuidor de corretivos e fertilizantes do distribuidor

– Configuração do distribuidor conforme o produto a ser aplicado

– Regulagens e calibrações do distribuidor

– Aplicação do produto

Já a Operação de escavadeira hidráulica é presencial com carga horária de 40 horas. O objetivo é que o participante aprenda a operar a escavadeira hidráulica de acordo com a recomendação do manual do operador. É importante destacar que a escavadeira é uma máquina de grande utilidade para o setor rural e da construção civil e para ser manuseada precisa de profissionais qualificados. O curso capacitará o operador a exercer o trabalho com eficácia e respeito às Normas de Segurança.

Conteúdo programático inclui assuntos como:

– Legislação

– Normas regulamentadoras da atividade

– Saúde e Segurança do Trabalho

– Conceito e histórico da escavadeira hidráulica

– Configuração de uma escavadeira: carro superior e inferior

– Utilização dos implementos de escavadeira hidráulica

Leia Também:  Três criminosos morrem em confronto com a PM

– Importância da cabine do operador

– Verificação dos níveis dos sistemas

– Componentes da escavadeira hidráulica

– Deslocamento operacional da escavadeira hidráulica;

– Operação de escavação

– Movimentação de carga

Crédito: Aline Lima

Colheita de Talentos – Após concluir os cursos do Senar-MT, os participantes têm seus currículos cadastrados no Colheita de Talentos, que é plataforma do Senar-MT que tem como objetivo aproximar as empresas do agro e produtores rurais interessados em contratar profissionais qualificados e as pessoas qualificadas pelo Senar-MT.

Parcerias – para realizar as aulas práticas nos Centros de Treinamentos do Senar-MT conta com dezenas de parceiros. Dentre eles,os abaixo relacionados.

Centro Oeste Máquinas – Massey Ferguson.

Terra Premium – New Holland.

Agrofito – Case.

Jorge Máquinas Agrícolas – Plataforma.

Guimáquina – Jacto.

Grupo Vamos – Fendt.

Fazenda Guarita – Joel Strobel.

Rota Oeste – PC Deer.

Sotreq – PC Caterpillar.

IMA Rondonópolis.

Fazenda Red River – Ronaldo Alves Batista Pinto.

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA