Destaque

Seduc reforça aos pais que retorno das aulas 100% presenciais será seguro

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) reforça o convite aos pais que ainda não visitaram a unidade escolar, onde os filhos estão matriculados, para conhecer os trabalhos feitos para o retorno presencial com segurança. Desde o anúncio do retorno das aulas 100% presenciais, que acontecem a partir desta segunda-feira (18.10), os pais foram convidados para conhecer como a unidade escolar está se preparando para esse retorno com segurança.

A secretária adjunta de gestão educacional, Alcimária Ataídes da Costa, destaca que a escola é um espaço seguro, pois a estrutura de biossegurança foi implantada e monitorada desde novembro do ano passado e, por isso, os pais podem ficar tranquilos. Segundo ela, na 11ª semana de acompanhamento das medidas de biossegurança nenhum caso de covid foi registrado nas escolas da Capital. Nem de alunos ou profissionais da educação.

“Estamos fazendo um retorno responsável. A ciência garante o retorno com segurança. A Seduc ampliou o valor dos recursos para garantir a compra de materiais para que todas as escolas estejam aptas a receber os alunos”, ressalta.

Leia Também:  Estudante morre afogado em cachoeira durante passeio de escola

Alcimária Ataídes da Costa lembra que professores e equipe pedagógica das escolas estão trabalhando a recuperação da aprendizagem e, para isso, a escola se preparou de modo seguro para receber os estudantes. “Trata-se de um direito do aluno e um compromisso nosso, de todos os profissionais da educação ”, assinala.

O uso de máscara e do álcool em gel serão obrigatórios. Na hora do lanche, será seguido o distanciamento para que todos se sintam seguros.

Nesta sexta-feira (15.10) de manhã, a secretária adjunta, superintendentes e coordenadores participaram de uma live no canal do You tube da Seduc tirando dúvidas com os gestores e professores. No início da semana, Alcimária já havia se reunido com assessores pedagógicos e Diretores Regional de Ensino para traçar os planos de retorno presencial.

“Fizemos uma transmissão para atingir um maior número possível de gestores e mostrar de forma simplificada como serão os trabalhos a partir de agora” ressalta.

Para os alunos com comorbidades, está garantido o ensino remoto. Para isso, os pais têm que levar o laudo médico até a secretaria da escola para garantir esse direito.

Leia Também:  Cronograma de vacinação da próxima semana tem reforço, segundas e primeira dose

Comentários Facebook

Brasil

Decreto cria verbas para pagar Auxílio Brasil de R$ 400 em dezembro

A edição extra do Diário Oficial da União (DOU) de terça-feira (7) trouxe o texto da medida provisória (MP) 1.076 de 2021, que antecipa o pagamento do novo valor do Auxílio Brasil – programa social de distribuição de renda que substitui o antigo Bolsa Família.

O instrumento cria um benefício extraordinário que complementa as parcelas já previstas do Auxílio Brasil para o valor de R$ 400 divulgado pelo governo. A manobra ocorre devido à necessidade de promulgação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios, que deverá ser fatiada e que possibilitará a alocação de recursos para o pagamento integral do Auxílio Brasil.

Segundo o calendário de pagamentos já divulgado pela Caixa, os créditos relativos à parcela de dezembro do Auxílio Brasil serão recebidos a partir da próxima sexta-feira (10).

Mais cedo, o presidente Jair Bolsonaro comentou sobre a PEC dos Precatórios e afirmou que o instrumento não é “calote”, mas uma forma viável de realocar dívidas em prol de uma revisão justa de benefícios sociais.

Leia Também:  Brasileiros devem redobrar cuidados no verão contra câncer de pele

“[A PEC dos Precatórios] não é um calote, muito pelo contrário. É uma renegociação, um alongamento de dívida para quem tinha mais de R$ 600 mil para receber do governo. É isso que nos permite um saldo, um espaço, para potencializar com justiça o programa”, disse o presidente durante a cerimônia de assinatura da concessão de frequências do 5G no Palácio do Planalto.

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA