Baixada Cuiabana

Gari que foi atropelado começa sessões de fisioterapia para recebimento da prótese

 

Clique para ampliar

Uma equipe da Prefeitura de Cuiabá realizou, na última sexta-feira (25), uma nova visita ao gari Darliney da Silva Madaleno, de 41 anos. A ação é parte da rotina do Município, que se comprometeu a prestar os auxílios necessários para a recuperação do trabalhador, após acidente sofrido em novembro de 2018. Darliney foi atropelado durante a madrugada, enquanto exercia sua função, na Avenida Getúlio Vargas, e teve a perna esquerda amputada.

Aos servidores da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, o gari explicou que, acompanhado de uma assistente social da Prefeitura e uma funcionária da empresa de coleta de resíduos, tem participado de sessões de fisioterapia no Centro de Reabilitação Integral Dom Aquino Corrêa (Cridac), todas segundas e quartas-feiras. As sessões fazem parte do processo de colocação da prótese.

Também pelo Cridac, o trabalhador tem recebido o atendimento nutricional e psicológico. Ney contou ainda que a entrada no requerimento da prótese já foi efetuada, porém o procedimento exige que pelo menos três medidas da perna sejam tiradas antes do solicitar a confecção. O pedido da prótese é feito somente pelo próprio fisiatra responsável pelo atendimento médico e leva em torno de seis meses para fabricação.

Leia Também:  Agricultura leva feira de pequenos produtores e Vitrine Tecnológica para a 48ª Exposul

“Me explicaram que primeiro temos que tirar essas três medidas, pois é necessário preparar o corpo para a colocação da prótese. Já tiramos a primeira medida e agora preciso controlar meu peso para não ter muita variação. Depois de colocar a prótese também vou continuar fazendo fisioterapia por um tempo para a adaptação. Nesse período vamos tirar um lado da muleta e, quando já estiver andando sem dificuldade, deixo de usar a outra”, relatou.

Conforme compromissado, a ideia é que, após todo esse procedimento e já com a liberação médica, o gari seja novamente inserido no mercado de trabalho, agora em função administrativa.

“Esse processo será feito pela empresa ou pela própria Prefeitura. O mais importante, nesse momento, é que ele tenha uma boa recuperação. Por isso, o prefeito Emanuel Pinheiro determinou que designássemos uma assistente social exclusivamente para acompanhá-lo. Também, por meio da nossa Diretoria de Resíduos Sólidos, estamos em constante contato para auxiliá-lo no que for necessário”, destacou o secretário José Roberto Stopa.

Leia Também:  É o Bicho MT realiza feira de adoção de animais neste sábado (13)

Comentários Facebook

Baixada Cuiabana

Operação prende 12 motoristas por embriaguez ao volante

Doze motoristas foram presos por embriaguez ao volante na 66ª edição da Operação Lei Seca. A iniciativa ocorreu na madrugada deste domingo (14.11), na Avenida 31 de Março, no bairro da Manga, em Várzea Grande.

Dos 83 veículos fiscalizados, 51 tiveram alguma autuação e 46 foram removidos, sendo 39 carros e sete motocicletas. Entre as principais autuações, 32 foram lavradas por conduzir veículo sem registro ou não licenciado, 19 por conduzir veículo sob efeito de álcool, 14 por conduzir veículo sem possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Na ocasião, também foram recolhidos 21 documentos, sendo 19 CNHs e dois Comprovantes de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV).

Ao todo, foram realizados 83 testes de alcoolemia. Três motoristas foram autuados por recusar-se a fazer o teste. A operação ainda contabilizou 13 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs) por condutores que dirigiam sem possuir habilitação.

A Operação Lei Seca é uma ação integrada coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada da Secretaria de Estado de Segurança Pública (GGI/Sesp). Nesta edição, contou com a participação do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, Delegacia de Delitos de Trânsito (Deletran), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Polícia Penal e a Guarda Municipal de Várzea Grande.

Leia Também:  Polícia Civil cumpre mandados contra grupo envolvido em execução de empresário

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA