Destaque

Três edições da Lei Seca no final de semana resultam na prisão de 33 pessoas

Durante o final de semana, 33 pessoas foram presas em três edições da Operação Lei Seca, realizadas em Cuiabá, Sorriso e Várzea Grande. Do total, 31 prisões ocorreram por embriaguez ao volante, conforme previsto no Art. 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e duas por recusa de realização de teste, exame clínico ou perícia que identifique influência de álcool (Art. 165-A).

A 29ª edição ocorreu em Várzea Grande, no Jardim Eldorado, na tarde de domingo (25.07), e foi concluída com oito pessoas presas por dirigirem embriagadas. Do total de 69 Autos de Infração de Trânsito (AITs), 13 foram por condução de veículo sob efeito de álcool (Art. 165); 03 por recusa de realizar teste de alcoolemia (Art. 165-A); 16 por condução de veículo sem habilitação (Art. 162, I); 14 por condução de veículo sem registro ou não licenciado (Art. 230, V); e 23 por outros motivos.

Houve ainda 11 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs) por descumprimento ao Art. 32 da Lei de Contravenções Penais (LCP), ou seja, direção de veículo sem habilitação, mas sem oferecer risco. Foram feitos 78 testes de alcoolemia, removidos 19 carros e 11 motocicletas, além de autuação de 33 veículos. Quanto aos documentos, foram recolhidos dois Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs) e sete Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs).

Leia Também:  Mato Grosso recebe 97.800 doses de vacina contra a Covid-19 neste sábado (18)

Já entre a noite de sexta-feira (23.07) e a madrugada de sábado (24.07), ocorreu a 8ª edição da Lei Seca, no município de Sorriso (398 km ao Norte de Cuiabá). Realizada na área central, a operação resultou na prisão de 10 pessoas por embriaguez ao volante (Art.306) e de duas por descumprimento ao Art. 165-A.

O total de 23 notificações foi lavrado em função de direção sob influência de álcool. Os testes de alcoolemia somaram 88, enquanto foram abordados 90 dos 340 veículos que passaram pelo local. Foram recolhidas quatro CNHs e removidos 19 carros e 13 motocicletas.

Já em Cuiabá, foi realizada a 28ª edição, na madrugada de sábado (24.07), com 13 pessoas presas por dirigirem veículo sob efeito de álcool, conforme Art. 306 CTB. A blitz ocorreu na Av. Isaac Póvoas, no centro, e foi concluída com 92 testes de alcoolemia e 58 Autos de Infração de Trânsito (AITs).

Integração das forças

A Operação Lei Seca é coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada (GGI) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), e conta com a participação da Polícia Militar (PM-MT), por meio do Batalhão de Trânsito (BPMTRAN); Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), por meio da Delegacia Especializada de Trânsito (Deletran); Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT); e Sistema Penitenciário.

Leia Também:  Linfomas têm grande chance de cura se forem diagnosticados precocemente

Na edição de Cuiabá, contou também com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob). Em Várzea Grande, a operação teve apoio da Guarda Municipal. Já em Sorriso, sob coordenação do GGI local, houve ainda a participação da Guarda Municipal, Núcleo Integrado de Fiscalização (NIF), Procon Municipal, Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Secretaria Municipal de Segurança Pública e Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

Comentários Facebook

Destaque

Oito pessoas são presas durante Operação Integrada de Lei Seca

Oito pessoas foram presas na 46ª edição da Operação Integrada de Lei Seca em Cuiabá. As abordagens iniciaram por volta 23h30 de sexta-feira (17) na Avenida Getúlio Vargas e 100 veículos foram fiscalizados e aplicados 109 testes de alcoolemia.

Foram aplicados 11 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO), uma pelo motorista entregar o veículo a uma pessoa sem carteira nacional de habilitação, violando o artigo 310 do Código Brasileiro de Trânsito (CTB) e outras 10 por dirigirem sem habilitação.

Ao todo, foram aplicados 65 Autos de Infração de Trânsito, 21 por dirigirem sob efeito do álcool, 11 pela recusa do teste de alcoolemia, os 10 sem CNH, 15 por dirigirem veículo sem registro ou não licenciado e 8 por outros motivos.

Foram 44 veículos removidos, sendo 39 carros e 5 motocicletas. Vinte e quatro CNH foram recolhidas e um documento do veículo.

Em Cuiabá, a operação Lei Seca foi realizada pelo Gabinete de Gestão Integrada da Secretaria de Estado de Segurança Pública (GGI/Sesp), Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, Delegacia de Delitos de Trânsito (Deletran), Detran, Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) e a policiais penais do Serviço de Operações Especiais Penitenciárias (SOE).

Leia Também:  Mato Grosso recebe 97.800 doses de vacina contra a Covid-19 neste sábado (18)

Comentários Facebook
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA